Sábado, 10 de Novembro de 2007

Á espera...

.

.

"Estou á espera"

 

 

Estou á espera...

De outro dia e quando virá?

Já nem sinto o amargo do café

Que não me deixa dormir mais uma vez

E não sabe que estou a pensar em ti

Em ti...que quiçá tambem estás a pensar em mim

 

Estou á espera...

Debaixo desta Primavera

Sem rosas e sem ti que és uma rosa

E se me picas não me magoas...fazes-me bem

Falo de ti para não morrer

E não me importa de quem se canse de ler este amor por ti

 

Estou á espera...

Que não se adormeça este pensamento

Este pensamento que me mata e me dá vida

 

Estou á espera...

Do meu amor e quando virà?

O meu amor que és tu

E tens o coração no mesmo pensamento

  

Estou á espera...

De outro dia e quando virá?

A esperança é um porquê

Pendurado numa resposta que não existe

Mudam-se os tempos mas não a vontade de ti

E eu sou esta luz que tu não ves

  

Estou á espera...

Do meu amor e quando virà?

O meu amor que és tu

E tens o coração no mesmo pensamento

Pensamento que não nos pode deixar

E que trava todas as possibilidades remotas de nos esqueçer

  

E fico á espera...de ti...

Para sentir a liberdade

Espero no coração

Aquele amor...

  

Que tu conheces já.

 

 

Mané

 


publicado por Frágil às 11:00
link do post | favorito
De tugafixe a 10 de Novembro de 2007 às 15:22
Ora mutas boas tardiiis compadriiii!!!

Vocemecê nã me diiisse dadondiiii era o sê sutaque. Mas ê julgo que é da Vidiguera. Se nã fôr nã importa nada.
Olhiii, ê gustê muto deste sê poema. Como o mê estáminé anda sem inspiração, acha q´estou autorizado a botar lá este sê poema?

Abraçuuu e boa sesta!


De Frágil a 10 de Novembro de 2007 às 22:00
Ora essa!!!!!!!! compadriii, leve leve, tem problema nao!!!
O sutaque, ah pois é.....Redondo...Reguengos e tal, mas com muita ferrugem, eu mesmo sinto, noto eu mesmo que os 25 aninhos em terras "alemoas-helveticas" se notam pa karaças, até mesmo no alentejano se nota, fará no portuga!!!!! mais vai-se induuuu e sorrinduuuuu.
Qto a inspiraçao andamos um cadinho na mesma, alias, eu é mais falta de tempo.....na tenho tido tempo nem pa responder aos comentarios ultimamente, tou a ficar kà um desleixaduuuuuu!!!!!
compadri, ainda na lhe tinha dito que vocemesse é bem vindo a este blog e se quiser pode levar pode home, leve leve..
Sesta!!!! ka ganda ideia, é mesmo o que vou fazer, alias, vou-me stressar alem nu sofá IoI

Passe vocemesse munto bem compadri


De Oásis a 28 de Fevereiro de 2008 às 14:50
E então os secretos e a pinga?
Vai ou não vai?

Abraçuu


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


favoritos

*Laura c`è*

*Chamem a Policia*

*QUEEN*

*Vigaro cá Vigaro lá*

*Perfume Patchouly*

*Grease*

*Just an Illusion*

*Help*

Um anjo da guarda em carn...

Amar é....

pesquisar

 

Posts recentes

A cor das minhas palavras...

„Amores longuinquos“...

Pelos teus Olhos I...

Sexo...

Sem sentido...

Silêncio...

O Amor és TU...

As minhas lágrimas...

Corações fortes...

Amor em plena liberdade.....

A voz da razão...

Carta de Amor Xaparrense....

Carta de desamor, O Amor ...

Nós Romanticos...

Palavras...

Apocalypse...

O sabor de um beijo...

O Infinito...

"Regresso" (2)

O Regresso...

Neste mundo de ladrões...

As Mulheres sabem...

Em órbita...

A quatro olhos...

Com tudo o que temos mais...

Palavras perdidas...

Memories I...*Os dias do ...

Ausente/Presente...

Falta de Tempo...

PARABÉNS

Curta-Metragem...

Guilty pleasures ...

Onde nasce Sol...

Deixa-me RiR...

"Memoria em 6 palavras"

Ma...

Private Property...

Click Me...

Estrela...

Rebelde...

Welcome....Ki

Amores...

Poucas Palavras...

Bolota Luminosa...

O Amor...

Pelos teus olhos...

Guerra...

Calor Frágil...

Nas Nuvens...

Escultura...

Arquivos

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007