Domingo, 27 de Abril de 2008

Rebelde...

.

.

"Rebelde"

 

  

Nunca senti a minha alma assim tão distante

Acariçio a tua pele mas não sinto nada no coração

Não digas que é só um momento e que passará

Dizes isso só porque te convem

Mas eu juro que mais tarde ou mais cedo não volto a pagina

  

Não é brincadeira entrar no meu céu

Soprar mais forte que o vento para enxugar as lagrimas

Não é fogo o que sinto dentro de mim quando dormes a meu lado

Irás ficar surpreendida quando eu partir para sempre

  

Há já muito tempo que não me consigo sentar na tua nuvem

Há já muito tempo que sinto a necessidade de fugir de ti

E não digas que faço pecado e que sou ingénuo

Mata-me a ideia de esperar que algo mude...

   

Passou o encanto de quando me voavas no coração

O encanto de um grande romançe de amor

O encanto de colher flores nas nossas noites humidas

O encanto de te beijar e deixar-me ir...

    

Eu sou rebelde e....

Não é brincadeira entrar no meu céu

 

 

Mané

.

.

 

 

 

Som: Riccardo Fogli-Storie di tutti i giorni

publicado por Frágil às 12:54
link do post | comentar | favorito
27 comentários:
De Blue Eyes a 27 de Abril de 2008 às 13:33
És rebelde, mas és um bom rebelde. E os bons rebeldes têm um bom coração!

Abraçuuuuu


De Frágil a 30 de Abril de 2008 às 07:57
Tens razão Blue....rebelde sei que sou e ter um bom coração não sou eu que o devo dizer, mas se o dizem os amigos é pk sim ;)



Abraçuuuuuuuuuuuuuuuu


De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 27 de Abril de 2008 às 14:50
olha...o cumpadri Mané é rebeldi! opáhhh ó xapárro, de rebeldi todos temos um pouco, um pouquinho de rebeldia nam faz mali a ningueim tás a veri...ê cá tamêim sô um cadito rebeldi...e atéi axo que quanto más velha más rebeldi, coisas de xaparriçe hehehe...
mas...ó cumpadriii vóçêmessei hoji tá um nikito pó melançólico ( pareçi-mi a mim nâei ) vamos lá a levantari êssi astral , atão tal nam êi a moenga heim...querem lá veri quê cá tenhu de me xatiari...já um sorriso vá...ó eu ...
bêim tu nam queris sorrir ê tentei naéi ?

bêjuuuuuu dociiiiiiii nu tuuuuuuu querido cumpadri muhannnn


De Frágil a 30 de Abril de 2008 às 07:59
Ulha!!!!

Mais uma rebelde!!!!! será que é de ser xapárra tamein!!!!!

Vocemessei fez-mi sorriiii ;)


Bêjuuuuuuuu


De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 30 de Abril de 2008 às 20:00
se a rebeldia vêim da xaparriçe...entaum é por isso que ê cá sô rebeldi,pôs como tu sabe cumpadri ê sô xapárra tamêm...

ainda bêim que euzinha te fezi sorriri

Bêjuuuuuuuu doci nu tu cumpadriii muhammmm


De Velucia a 27 de Abril de 2008 às 17:39
Não ia fazer comentários, mas, não contive minha vontade.

Também sou muito rebelde!!!

Amei seu Poema "Rebelde" que até já coloquei como favoritos.

Não pense que sua alma está distante...

Já viu no meu blogue "Almas"?

"Elas não se perdem na multidão" (frase minha)

Jinhos.




De Frágil a 30 de Abril de 2008 às 08:00
Mais uma rebelde!!!!!!

Mas esta na é xapárra!!!!!

Vi o post sim, gostei.




Bêjuuuuuuu


De Velucia a 27 de Abril de 2008 às 17:45
Amigo Frágil...

Devido a minha rebeldia também estou a preparar um texto sobre "Decepção" e "Intuição".

Minha Rebeldia e Decepção tem a ver com minha pessoa.

Já "Intuição" tem a ver com minha alma.

Pensei em um nome como "Revolução de Nuvens

Negras Vestidas de Azul".

Mas... pensando bem...

Não sei... Vou pedir-lhe uma ajuda.

Pode ajudar-me?


De Frágil a 30 de Abril de 2008 às 08:00
Só vendo poderia dar a minha opinião!!!!



Bêjuuuuuuuu


De Velucia a 27 de Abril de 2008 às 18:52

Pode mandar-me a letra desta música por favor?

Obrigada.



De Frágil a 27 de Abril de 2008 às 19:02
A letra de que musica?


De Velucia a 27 de Abril de 2008 às 19:07
Esta q. está em"Rebelde"

"Storie di tutti i giorni"

Se não puder mandar-me letra e tradução..
E puder exlicar-me como consigo encontrar...
Fico grata desde já.


De Frágil a 27 de Abril de 2008 às 19:09
Tenho pena, mas não tenho nem letra nem tradução, mas penso que fazendo uma pesquisa na net ...não será mto dificil encontrar.


De Velucia a 27 de Abril de 2008 às 22:41
Obrigada. Já encontrei.


De Velucia a 28 de Abril de 2008 às 03:30
Pena? Não entendi!


De Velucia a 27 de Abril de 2008 às 18:57
Solicitei a letra, mas.. gostaria da tradução.Tem?

Obrigada.


De Café com Natas a 27 de Abril de 2008 às 23:56
Tás tramado......

Rebeldia... não a teremos todos um pouco?
Ai como te entendo, cumpadriii
Bêjuu rebelde


De Frágil a 30 de Abril de 2008 às 08:01
Atã na querem lá verii que isto é td rebeldiiiiii?!?!?!?!

Ainda bem que me entendes ;)



Bêjuuuuuuu rebelde


De celyta51@hotmail.com a 28 de Abril de 2008 às 02:33
Tenho reparado em suas poesias, interessante! esse é um blog que gosto de visitar.parabéns!


De Frágil a 30 de Abril de 2008 às 08:02
Obg por passar, por me ler, por gostar e por comentar.


Volte sempre!!!!


De adnirolfpa a 28 de Abril de 2008 às 15:25
"quando alguem nasce, nasce selvagem....não é de ninguem....."
Entrar no céu de alguem é sempre perigoso.
Até porque o "céu" é sempre algo muito nosso. Deixamos olhar, visitar, sentir....mas nunca ficar.
Conseguiu colocar em palavras o que (quase) todos sentimos e nem ousamos pensar!.
Mais uma vez parabéns.


De Frágil a 30 de Abril de 2008 às 08:03
quando alguem nasce, nasce selvagem....não é de ninguem....."

E mai nadaaaaa.


Entar no céu de alguem é sempre perigoso, mas ás vezes vale a pena arriscar e quem não arrisca....não petisca ;)




Bêjuuuuuuuu


De Cristal a 29 de Abril de 2008 às 09:02
Ainda bem que o és pois todos temos um poucos de rebeldes....
Beijos cristalinos ohhh rebelde


De Frágil a 30 de Abril de 2008 às 08:04
E viva a rebeldia....


Beijos Frágeis....ohh rebelde


Comentar post

Visitors


Counter From POQbum .com
website stats

Links

pesquisar

 

Posts recentes

A cor das minhas palavras...

„Amores longuinquos“...

Pelos teus Olhos I...

Sexo...

Sem sentido...

Silêncio...

O Amor és TU...

As minhas lágrimas...

Corações fortes...

Amor em plena liberdade.....

A voz da razão...

Carta de Amor Xaparrense....

Carta de desamor, O Amor ...

Nós Romanticos...

Palavras...

Apocalypse...

O sabor de um beijo...

O Infinito...

"Regresso" (2)

O Regresso...

Neste mundo de ladrões...

As Mulheres sabem...

Em órbita...

A quatro olhos...

Com tudo o que temos mais...

Palavras perdidas...

Memories I...*Os dias do ...

Ausente/Presente...

Falta de Tempo...

PARABÉNS

Curta-Metragem...

Guilty pleasures ...

Onde nasce Sol...

Deixa-me RiR...

"Memoria em 6 palavras"

Ma...

Private Property...

Click Me...

Estrela...

Rebelde...

Welcome....Ki

Amores...

Poucas Palavras...

Bolota Luminosa...

O Amor...

Pelos teus olhos...

Guerra...

Calor Frágil...

Nas Nuvens...

Escultura...

Arquivos

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007


Get Your Own Player!