Quinta-feira, 29 de Novembro de 2007

Ódio e lágrimas...

 

    

"Ódio e lágrimas „

 

Oiçam, Oiçam…..

Estão a falar!!!

Com palavras que sabem a rebuçados

Mas que dentro são amargas

O silêncio que se enche desta voz

Que chega nas casas

De quem adormece os filhos

Com cantigas e beijos

                

Olhem, olhem…..

Estão a disparar!!!

A tempestade parecia terminada

Mas só agora começou

A riqueza que está na terra

É de quem a semeou

E que se perca ou se ganhe uma guerra

É uma coisa errada

Quantas vidas…

Quantas vidas perdidas

Ódio e lágrimas

São estrelas apagadas

Lá no chão

Civis....e soldados

    

Olhem, olhem….

Estão a salvá-lo!!!

As mentiras são tiros de metralhadora

Que matam a paz

Porque onde já não há ruas

Está o sague que ferve

E quem tem paixão por Deus

Devia ajudá-lo a levar à cruz

     

   

   

Mané


publicado por Frágil às 12:31
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De Simplesmente...eu* a 29 de Novembro de 2007 às 17:57
A paz é a simplicidade de espírito e a serenidade da mente. É a tranquilidade da alma, é o vínculo do amor.É a harmonia interior nos nossos corações. Por isso apelemos pela paz no mundo. Que terminem as guerras, para que a humanidade não sofra tanto e não morram tantos inocentes. Lutemos por um mundo melhor com mais amor ao próximo e a nós mesmo. Sem preconceitos e racismo, sem guerras.
Por isso apelemos á paz, ao amor e a alegria de viver. Quando falo de paz, não é apenas no coração é paz para o mundo com equilíbrio e consciência.

Mané, lindo o teu post ( como sempre ). Por vezes as palavras até custam a sair, pois cada vez é mais dificil te comentar.

Simplesmente...um bêjuuuuu em tuuuuu(melhor? )






De mnike30 a 29 de Novembro de 2007 às 21:12
Olá Mané,

Isto está:POTENTE!
Excelente!
Beijinho


De tugafixe a 30 de Novembro de 2007 às 12:25
Hoje não comento!
Mas está como sempre... muito bom!

Grande abraço!


De Ana a 4 de Dezembro de 2007 às 17:55
Porquê as guerras? Só para alimentar os senhores das grandes potências e o pobre e os inocentes sofrem. Mané está "forte" como só tu sabes escrever.
A/Mo-te por tudo e por nada


Comentar post

Visitors


Counter From POQbum .com
website stats

Links

pesquisar

 

Posts recentes

A cor das minhas palavras...

„Amores longuinquos“...

Pelos teus Olhos I...

Sexo...

Sem sentido...

Silêncio...

O Amor és TU...

As minhas lágrimas...

Corações fortes...

Amor em plena liberdade.....

A voz da razão...

Carta de Amor Xaparrense....

Carta de desamor, O Amor ...

Nós Romanticos...

Palavras...

Apocalypse...

O sabor de um beijo...

O Infinito...

"Regresso" (2)

O Regresso...

Neste mundo de ladrões...

As Mulheres sabem...

Em órbita...

A quatro olhos...

Com tudo o que temos mais...

Palavras perdidas...

Memories I...*Os dias do ...

Ausente/Presente...

Falta de Tempo...

PARABÉNS

Curta-Metragem...

Guilty pleasures ...

Onde nasce Sol...

Deixa-me RiR...

"Memoria em 6 palavras"

Ma...

Private Property...

Click Me...

Estrela...

Rebelde...

Welcome....Ki

Amores...

Poucas Palavras...

Bolota Luminosa...

O Amor...

Pelos teus olhos...

Guerra...

Calor Frágil...

Nas Nuvens...

Escultura...

Arquivos

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007


Get Your Own Player!