Terça-feira, 4 de Setembro de 2007

Aponta là o dedinho IoI....

.

.

Hello Ppl…..

 

    

O título do post…

Explicando.....

 

    

É assim.... Não servindo de desculpa, toda a gente que me conhece sabe e conhece a minha grande ferrugem no português, mas mesmo assim acho que me consigo explicar, para as novas visitas ficarem agora a saber que os erros e a grande falta acentos são devidos a quase 26 anos fora do MEU Portugal.

Mesmo assim aqui onde estou, o portuguesismo foi sempre o meu lema, adoro a minha nacionalidade e não posso deixar de dar importância a algo que tenha as cores da bandeira e qualquer coisinha, seja ela onde e de que forma for que fale ou mostre algo português.

Hoje vou-me (abrir) um pouco mais quanto à decisao do novo blog.......

 

   

O novo blog........existe porque nunca estou contente comigo mesmo e quero sempre fazer melhor, melhor e melhor, apesar de NUNCA ser perfeito, nem Deus o é!!!

NUNCA irei deixar este romantismo que me corre nas veias, AMOR AMOR e AMOR, nunca deixarei de escrever AMOR e de alinhavar (poemas) que falem de AMOR, mas.........

Escrever sempre sempre sobre amor e romantismos também cansa, torna-se monótono, banal e assim a intenção deste novo blog é o "ser mais eu"......no sentido de não escrever só AMOR AMOR e AMOR, logicamente que o romance nao vai faltar neste blog, mas nao só.

 

    

Como devem ter notado dos primeiros 3 post`s, ainda não fui romântico, mas haverá mais marés que marinheiros IoIoI.

 

    

Como eu vejo os blog`s.........posso até estar a ver de maneira errada, mas penso que os blog`s sao exactamente diários e a apresentação é o que menos conta, brilhos, estrelinhas, bonecos e sabe-se lá mais o quê.....é tudo fogo de artificio ( de vista ), penso que o blog ( na minha modesta maneira de ver ), serve para escrever o que se sente , o que se sabe e o conteúdo é que conta.

 

   

Os meus blog`s........desde o primeiro até este, foram uma aprendizagem ( parte técnica ), o primeiro PC, as primeiras entradas na net, os espantos ( olha este!!! Olha aquele!!!! ), critico e sou criticado e por aí a fora.

 

    

Sem dúvida aproveito as críticas sejam ela positivas ou negativas para me melhorar ( penso estar a conseguir melhorar-me, mas continuo a aceitar críticas ).

 

   

Neste abrir os olhos quanto aos blog`s, notei uma coisa que me incomoda em especial, é o fazerem-se plágios quando não há ideias na ( cuca ), fico muito triste quando vejo este ou aquele plagiar, ultimamente deparei-me com uma pessoa "conhecida minha" que inclusive até tenho aqui linkada e que fez plágio, ( nao faço nomes )........mas oh Ppl, se não tiverem ideias não escrevam pahhhhhh!!!!!!!

 

    

Assim, hoje, em jeito de gozo e de brincadeira, vou-me plagiar a mim mesmo IoIoIoIoI.

MULHERES, é uma coisinha que escrevi há já algum tempo, uma coisinha com a qual iniciei o meu primeiro blog e que repeti no vivendo-me2 que apaguei.......assim sendo, vou-me plagiar a mim mesmo IoI.

.

.

.

.

„Mulheres"

 

 

 

Quando se encontra uma mulher

Fica-se com o coração frágil

Os pensamentos abraçam-se

As palavras derretem

Apaixonamos-se por éssa mulher

Porque os olhos dela falam

Parece-nos impossível que nos queiram mesmo a nós

 

   

As mulheres..

São pedras de sol que quando as tocamos queimam

São mulheres..

E se nos dão, querem tudo de nós

Se sorriem...

É porque procuram cariçías no coração

Não nos dizem isso, temos que as entender

 

     

São mulheres...

Temos que saber tudo o que gostam

Esperam...

E ficam contentes quando lhe damos rosas

Se tremem...

É porque nos querem um pouco mais perto

Não nos dizem isso, temos que as entender

 

   

Porque são mulheres....

 

 

Mané

 

 

 


publicado por Frágil às 07:35
link do post | comentar | favorito
20 comentários:
De Cristal a 4 de Setembro de 2007 às 08:53
Pois, pois essa dos teus "pequenos" erros já eu sabia e entendo o estares fora do pais e há tanto tempo nem sempre as coisas funcionam, isso são pequenos pormenores que todos, e até eu, ás vezes estou sujeita e se bem te lembras a primeira vez que publiquei um dos teus poemas, sim porque nisso eu fui uma das felizardas, avisaste-me e eu ate te disse vou só emendar a pontuação
Blog, mais blog e mais blog, é teu e fazes dele como e bem entender, o mudares constantemente só mostra que continuas e lutas por aquilo que gostas.
Criticas, já pensastes se não as houvesse???? Já pensastes porque existem???? Meu querido Deus que é Deus não agrada a toda a gente.
Plagiar????? Ai ai quem nunca plagiou que atire a primeirinha pedra
Quanto ao poema é sobre mulheres , um ser humano fascinante , eu a fazer publicidade
Beijos cristalinos amigo


De Frágil a 4 de Setembro de 2007 às 13:34
Olà Cris...

É verdade....acho até que tu foste a primeira a publicar algo meu, tens razao IoI.
Os erros é o meu forte e na deve haver ninguem que faça tantos como eu IoI.
Criticas SEMPREEEEEEE eu agradeço!!!!

Qto à tua frase: Ai ai quem nunca plagiou que atire a primeirinha pedra.
devo dizer que nao foste feliz, desculpa a minha descaradeza e nao te pareça mal se sou directo....
O futuro so a Deus pertence e amanha nao sei se farei um plagio, mas neste momento estou em condiçoes para no "tema" plagio.....atirar a primeira pedra sim ( no que diz respeito aos temas do blog ), eu nao faço plagio!!!!!!
Mas como eu hà mta gente!!!!, gente que tb ve estes blogues e nao faz plagio!!!!! e nao iam gostar dessa frase.
Mais uma vez desculpa ter sido directo e franco, amigos como antes hein!!!!


Jokas e volta sempre



De Cristal a 4 de Setembro de 2007 às 14:34
Imagina o que te vou contar, um destes dias andando eu pelo Google, vi lá um poema que gostei e que na altura senti que era como o meu estado de espirito andava, não tive mais nada, copiei-o e só fui infeliz ,porque tenho por hábito pôr o nome do autor, na altura nem me lembrei... qual o meu espanto uns dias depois tenho um comentário desse dito autor a dizer , esse poema é meu, eu como pessoa educada que sou, pedi desculpa e até hoje esse autor nem uma nem duas, mas o que mais gostei de descubrir foi que esse tal autor , não era mesmo o autor, tinha feito um plágio de uma autora ...
Cá se fazem cá se pagam
Quanto a seres frontal e dizeres o que me dizes, acho que já me conheces um pouco e que prefiro que me digam frontalmente do que andarem ai depois por trás , a falarem e a julgarem-me sem minimamente me conhecerem
Amigos sempre alentejano lagarto


De Pipocas4 a 4 de Setembro de 2007 às 10:17
Mané, eu até acho que te safas muito melhor no Português que muita gente que nunca saiu do nosso país e talvez até tenha estudado mais do que tu!
Eu também dou os meus erros de vez em quando!
Quanto aos Blogs que já criaste, a nível estético, acho que tens vindo a melhorar. Quanto aos outros níveis como não te conhecia muito bem, não posso comentar!
Fica bem!


De Frágil a 4 de Setembro de 2007 às 14:11
Bigadusssss......ainda fico convencido que escrevo mesmo bem pahhh!!!! IoIoIoI

Miga, obg pelas tuas palavras, hà sempre tempo para me conheceres melhor, alias eu gostava, basta seguires-me atravez do blog, o blog sou eu IoI.


Fica bem Pipoquinha


De Simplesmente...eu* a 4 de Setembro de 2007 às 11:51
Olá amigo,
Hoje debates aqui um assunto que é sério. '' Plagios ''.
É algo que se encontra por muitos blogs, mas as pessoas pensam que não nos damos conta disso. Não é errado publicar algo de outra pessoa, mas há que ter a consciência de que deveremos mencionar os direitos do autor.
Quem escreve, fâ-lo pelo prazer, pelo que sente...
Quanto a ti, tenho a certeza que tudo o que escreves os sentes e é com prazer que o fazes. Sente-se nas tuas palavras....
Quanto ao teu poema, que dizer????
'' Mulheres '', nem sempre faceis de compreender...
Gostos diferem...
Quando dizes : ''E ficam contentes quando lhe damos rosas '', sim sem duvida, não existe mulher nenhuma que não goste de receber rosas. Uma simples rosa é o suficiente para deixar uma mulher feliz, rincipalmente quando é dada com amor e pela pessoa amada, chega-se mesmo a guarda-la para sempre.
Mas as mulheres também gosta de receber surpresas e fazê-las....
Desde que exista amor tudo é bom e é bem recebido.
Quando se ama e se é amado conhece-se bem e sabe-se o que fazer para fazer a outra pessoa se sentir ainda mais amada.
Mesmo sem falar, sente-se... isso é amor.
Bem, isto já vai em testamento, tenho mesmo que parar senão deixas de aceitar os meus coments
Simplesmente... um beijo carinhoso



De Frágil a 4 de Setembro de 2007 às 14:19
Tens razao, pensam que nao nos damos conta...

Dizes uma frase que para mim é mto acertada : Quem escreve, fâ-lo pelo prazer, pelo que sente...

Tens razao tb qdo dizes que escrevo por prazer....

Opahh, tens razao em tudo prontus!!!! IoIoIoI

Qto às "mulheres" acho que NUNCA vou conseguir entender as mulheres, mas isso jà dizia o meu avo IoI

Nao te proibo de vires aqui visitar-me, alias, é um prazer e honra, mas....... qq dia dou-te um limite de digitos no comentario IoIoIoIoI

És sempre bem vinda


Jokas




De KI a 4 de Setembro de 2007 às 13:34
Oi

Tenho um Everest pra atirar a quem servir, uma pedra só n chega. AIna curtia que houvesse uma corrente ou prémio quiçá pros plagiadores, assim podiam ir de blog em blog á descoberta.

O teu texto yah tá fixe, e nem tem erros lololol :)
Ironicamente brincas com plágio, n é possível o auto-plágio , n existe , ok era brincadeira mas n apreciei. Acho que já chega de futilidades na net, de gente q acha que tudo vale por que se escondem atrás de um suposto anonimato de zeros e uns.

Beijos Mané.


De Frágil a 4 de Setembro de 2007 às 14:34
Olha "paréla" !!!! IoI
Um evarest vejam so!!!!! na é que na fosse boa ideia e na haja quem mereça!!!! é o que na falta...

Mas olha, eu vou-me acontentando da sombra do meu "chaparrito" que tà cheio de bolotas e vou atirando "bolotas" na brincadeira.
Na reparas-te que o auto-plagiar-me tinha a dimensao de uma bolota?!?!? IoIoIoI

Tens razao Ki bora deixar de dar importancia aos zeros e uns que pensam que podem fazer tudo o que lhes apetece.


Bejuusss Ki


De Cris a 4 de Setembro de 2007 às 15:15
Poix...Já li melhor e já percebi
Ehehehe
Ainda bem que continuas por aqui!!
Eu apaguei mesmo os meus blog's, tinha q ser, mas vou andar sempre por aqui.
Obrigado pelas tuas palavras.
Bjokas
Cris


De Frágil a 4 de Setembro de 2007 às 15:29
Desculpa......mas como te disse là, assim te digo aqui...

FOI UM ERROOOOOOO.....

E amanha veràs, hoje ainda estàs de sangue quentinho e td, mas amanha qdo acordares vais ver que foi um erro apagares os blogues IoI


Volta sempre Bejuuuuuuuuuuuuu


De KI a 5 de Setembro de 2007 às 00:42
Por falar em plágios...quer-me cá parecer que esses primeiros acordes da música que toca aqui se n forem... são quase iguais a uma do Júlio Iglésias. P*** de memória!!

Beijo.


De Frágil a 5 de Setembro de 2007 às 06:37
Pois é, isso jà na posso dizer, se se copiaram as musicas jà na é meu problema......


Bejuuuuu


De KI a 5 de Setembro de 2007 às 09:52
Evidente q n é teu problema pah, n foste tu que fizeste a música! n era presiço ficares melindrado, mas hás-de ouvir aquela música e o 'Pobre Diablo' do JUlio Iglesias, e constatares por ti próprio se os acordes n são iguais como tb podes n o fazer.

Embirrei com o teu comentário hoje mas esquece devo estar em dia não, mas isso agora tb n interessa nada.

Fica bem.


De Frágil a 5 de Setembro de 2007 às 09:59
Td bem Ki..........Embirremos senhor!!!!!


hihihihihi.


Bejuuuuuu


De KI a 5 de Setembro de 2007 às 13:09
"Preciso" Irra atém cometi um erro ortográfico... isto de escrever um texto com erros deixou-me desbaratinada. Deixo-te em paz, n me apetece embirrar aliás n me apetece rien.

Hasta.


De chocolatsuisse a 5 de Setembro de 2007 às 20:15
Beeeemmmm, que grande coincidência. Para já porque também fui dar com os teus blogs através da sonhos-de-algodão, e fiquei muito curiosa quanto á tua história com a princesa, nunca me passou pela telha que fosses uma pessoa internacionalizada (imigrante é uma palavra feia), depois...continuo a não perceber o teu romance com a princesa (mas também não li tudo,lol, e nem é da minha conta), mas pelo menos ja percebo o porque de falar tanto em distância e saudade.
Por ultimo, adoro as histórias do Dom Bonitinho, pensei na altura em comentar, mas foi passando, acho que devias escrever um livro: Vivências de Dom Bonitinho, acho que ias ter sucesso.
Continua a visitar-me, apesar do meu blog não ser tão interessante,lol


De Frágil a 5 de Setembro de 2007 às 20:25
Ah Pois é........coicidencia sim IoI.

Ai e assim tu jà me seguias!!!!! o Dom Bonitinho IoIoIoI.
Tenho andado afastado disso, tornei-me mais serio, mas qdo tiver um pouco mais de inspiraçao pa essas coisas logicamente que publicarei algo na sequencia do Dom Bonitinho.

Se bem vinda a este humilde cantinho, agora que sei que estamos no mesmo canto do mundo, tb te visitarei mais vezes.

Obg pela visita e pelo coment.


De PrincesaVirtual a 6 de Setembro de 2007 às 15:01
Uma bela «ODE» às mulheres :D

Cumprimentos da Princesa :)


De Frágil a 6 de Setembro de 2007 às 15:23
Ainda bem que gostas-te, bem vinda e obg pela visita.


Volta sempre


Cumprimentos "frageis"


Comentar post

Visitors


Counter From POQbum .com
website stats

favoritos

*Laura c`è*

*Chamem a Policia*

*QUEEN*

*Vigaro cá Vigaro lá*

*Perfume Patchouly*

*Grease*

*Just an Illusion*

*Help*

Um anjo da guarda em carn...

Amar é....

pesquisar

 

Posts recentes

A cor das minhas palavras...

„Amores longuinquos“...

Pelos teus Olhos I...

Sexo...

Sem sentido...

Silêncio...

O Amor és TU...

As minhas lágrimas...

Corações fortes...

Amor em plena liberdade.....

A voz da razão...

Carta de Amor Xaparrense....

Carta de desamor, O Amor ...

Nós Romanticos...

Palavras...

Apocalypse...

O sabor de um beijo...

O Infinito...

"Regresso" (2)

O Regresso...

Neste mundo de ladrões...

As Mulheres sabem...

Em órbita...

A quatro olhos...

Com tudo o que temos mais...

Palavras perdidas...

Memories I...*Os dias do ...

Ausente/Presente...

Falta de Tempo...

PARABÉNS

Curta-Metragem...

Guilty pleasures ...

Onde nasce Sol...

Deixa-me RiR...

"Memoria em 6 palavras"

Ma...

Private Property...

Click Me...

Estrela...

Rebelde...

Welcome....Ki

Amores...

Poucas Palavras...

Bolota Luminosa...

O Amor...

Pelos teus olhos...

Guerra...

Calor Frágil...

Nas Nuvens...

Escultura...

Arquivos

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007


Get Your Own Player!